Vamos brinca de bola? – Miniconto Sandra Godinho

17 comentários em “Vamos brinca de bola? – Miniconto Sandra Godinho

Adicione o seu

  1. Sandra, vc tem o inquestionável talento de nos impactar sem gastar o seu latim excessivamente. Acho bem bacana como a sua história girou nas palavras, nas vidas imprevisíveis e tão curtas quanto o conto, e continuou girando em minha cabeça. Como disse a Fernanda: sensacional. Perfeição. Beijos.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Olá, Elisa! Fico feliz que tenha gostado. Foi minha filha que fez para mim, mas ela disse que é possível fazer no power point mesmo e que tem uns tutoriais na internet que ajudam muito! Obrigada pela leitura!

      Curtir

    1. Olá, Fátima! Que gratificante é o seu comentário! Fico feliz que tenha gostado, eu tenho procurado tirar o maior proveito dos recursos visuais, ainda mais nessa fase de microcontos! Incorporei a essência! obrigada pela leitura e comentário! Bjos

      Curtir

  2. Sandra… Seu conto é tão triste e tão real! Tão devastador… Tantas vidas sozinhas, aí, nas esquinas dessas ruas, a perambular à procura de um campo verde para jogar a vida como deveríamos realmente jogar. É injusto o desperdício da infância. É cruel e assustador pensar que falhamos enquanto sociedade, enquanto seres humanos. Seu conto não é apenas incrível na estrutura, no formato, é também uma denúncia de nossa incapacidade de olharmos o outro como parte de nós.
    Beijos e abraços carinhosos.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Olá, Evelyn! Você captou exatamente como me sinto quanto a esse tema de infância. Também dos tempos sombrios em que vivemos. A humanidade me parece muito desumana às vezes! Grata pela leitura e comentário!

      Curtido por 1 pessoa

  3. Olá, Sandra!

    Mais um genial pra lista! O mais incrível é quanto você diz em tão poucas palavras. Traça o passado, a trajetória presente e já escancara o futuro daquele que está ali mas que poderia não estar, tamanha a nossa indiferença…
    Magistral! Parabéns!

    Curtir

  4. Sandra,
    Eu amo esse conto, talvez o que eu mais ame em Orelha lavada.
    Lindo, pela sensibilidade e profundidade.
    Beijos

    Curtir

  5. A dona da bola toda. Como assim? Faz um conto sofrido desses, embola tudo em criatividade e sensibilidade e deixa todo mundo pasmo. A sua precisão em utilizar os recursos gráficos para enaltecer a escrita me encanta. É mágica? Parabéns. Beijos.

    Curtir

  6. Querida Sandra,
    Ah! Tenho esse livro e sempre amo revisitar seus textos.
    Siga firme em sua pegada maravilhosa.
    Parabéns.
    Beijos
    Paula Giannini

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: