Homenagem ao desafio Elementais – Neusa Fontolan

“Vem, linda boneca! Bela neneca! Querida minha!   Leve é o vento e leve é a pluma da andorinha.   La embaixo sob a montanha, ao sol brilhando,   À luz da lua, na soleira já esperando,   Minha linda senhora está, filha da mulher do rio,   Mais clara do que a água, esbelta... Continuar Lendo →

Somos um círculo, dentro de um círculo… – (Sacerdotisa)

    “Somos um  círculo, dentro de um círculo. Somos um infinito, dentro de outro infinito” Tate tinha nove anos, e era uma menina diferente, olhos antigos – diziam - e todo verão viajava para o sul do estado, para passar férias com a avó. Rubi era uma avó alegre, enérgica, cheia de vitalidade. Cultivava girassóis, rosas, margaridas e aos olhos da menina era... Continuar Lendo →

O Trem dos Apaixonados – Amanda Gomez

  O som surgiu aos poucos, assim como o vibrar no chão. Pedrinhas saltavam da estrada de terra enquanto todos pararam para observar o que se aproximava. Um apito familiar e ensurdecedor ecoou como um grito de boas-vindas. A névoa de poeira, que formara uma cortina, rompeu-se assim que o trem passou, trazendo com ela... Continuar Lendo →

Luz de mil lâmpadas – Elisa Ribeiro

A primeira vez Aconteceu quando tinha onze anos de idade e visitava junto com os colegas de classe o laboratório de química da universidade, atividade organizada pela professora de ciência do colégio. Distraía-se com o ambiente e os aparatos do laboratório menos do que os colegas, tampouco empolgava-se com as reações químicas vistosas que o... Continuar Lendo →

Diana – Priscila Pereira

Chovia há tanto tempo que a humanidade já havia se esquecido de como era o sol. Os poderes do fogo eram escassos e os que o dominavam estavam quase em extinção. As Ondinas tomaram o poder por um momento de fraqueza do povo do fogo. Outrora poderosos, deixaram-se enganar pelo orgulho, desprezaram os demais elementos,... Continuar Lendo →

Sal & Amanda (Claudia Roberta Angst)

─ Tem certeza? Não quer pensar melhor? Olha que esse é um caminho sem volta… Mas Amanda estava decidida. Nem mesmo um único cílio tremulava em hesitação. Nunca tivera tanta certeza na vida. Aquela era mais uma promessa de verão que cumpria sorrindo. ─ Manda ver! E assim, o som metálico ganhou ecos como relâmpagos subliminares que aos poucos... Continuar Lendo →

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑