Além do tempo – (Bia Machado)

I

O mesmo sonho recorrente, desde que Manuela partira. Uma linda mulher vinha ao seu encontro, chamando-o pelo nome, como se o conhecesse há tempos. Ela sorria e o abraçava, alegre, dizendo: “Eu ainda estou aqui! Sou eu, a sua Manuela!”

Continue lendo “Além do tempo – (Bia Machado)”

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑